sexta-feira, 3 de junho de 2011


:: Gagueira: conheça as suas causas e o melhor tratamento para driblar este problema ::

Entre os diversos distúrbios da comunicação que existem, a gagueira é considerada um dos principais. Por atingir pessoas de várias culturas e classes sociais este problema deve ser discutido para que se entenda suas causas e seu tratamento. Justamente por isto, o BJNA foi conversar com a Drª Luciana Grottone, que é fonoaudiologa, e irá nos esclarecer várias questões sobre este assunto. Acompanhe a entrevista!

BJNA - O que é a guagueira?
Drª Luciana - A gagueira é definida como um distúrbio de linguagem que reflete nos movimentos da fala, causando disfunções de comunicação e comportamento.

BJNA - A gagueira só ocorre na infância ou ela também de desenvolve na fase adulta?
Drª Luciana - Geralmente quando a criança atinge os três anos de idade, se inicia o processo de desenvolvimento da fala, onde ocorrem disfluências que são consideradas normais até os cinco anos. Porém, nem todas passam tranquilamente por esta fase e a disfluência, que até então era considerada normal, se transforma em gagueira. Isto pode ocorrer por herança genética, onde pessoas da mesma família carregam o gene responsável pela gagueira, o qual pode se manisfestar ou não. Mas, ela também pode ter origem na fase adulta por questões psicológicas à partir de um susto, um momento traumático, uma grande perda ou outros conflitos interiores, gerando uma dificuldade cerebral que é refletida no momento da fala. Esta é considerada a gagueira adquirida.

BJNA - Além da disfluêcia, a gagueira apresenta outros sintomas?
Drª Luciana - Quando a guagueira já está bem instalada, ela vem acompanhada de pausas no início das frases, respiração irregular, contração dos músculos das cordas vocais e tiques nervosos como piscar os olhos, bater as pernas, estalar os dedos, bater em objetos enquanto fala, entre outros. Esses sintomas ocorrem por conta do esforço em evitar a gagueira.

BJNA - A gagueira também está associada a grandes sofrimentos internos?
Drª Luciana - Sim, além dos esforços que são notáveis, os indivíduos que sofrem do problema costumam sentir vergonha porque muitas vezes são motivos de piadas, frustração por não falar com fluência e baixa auto-estima. Por isso, o apoio e a atenção da família e dos amigos são fundamentais, estes também precisam saber lidar com o problema e reagir à ele da forma correta.

BJNA - O comportamento das pessoas pode piorar a guagueira de alguém?
Drª Luciana - Sim, pois geralmente o que acontece por parte das pessoas que convivem com um indivíduo que guagueja é o mau hábito de completar a palavra ou a frase para ajudá-lo, o que piora a situação e dá um efeito totalmente contrário, pois só demonstra falta de paciência. Nunca se deve completar a frase, pedir que a pessoa tenha calma, que fale devagar, que respire ou coisas do tipo.

BJNA - Por que a pessoa com disfluência não gagueja quando canta?
Drª Luciana - O cérebro processa o canto e a fala de formas diferentes, e é por esta razão que a fluência ocorre no momento do canto. A música é composta por um ritmo e uma melodia que já estão prontos, o que auxilia o cérebro nesse processo porque o indivíduo já sabe o que e como vai se expressar.

BJNA - É comum acontecer casos de pacientes que estejam em um nível avançado do tratamento, mas num momento de tensão a disfluência voltar?
Drª Luciana - Sim, algumas disfluências podem ser apresentadas em situações de estresse, como falar em público, ao telefone ou tratar de um assunto que o indivíduo não tenha domínio, ou seja, quando ele se torna o foco os fatores piscológicos podem interferir e aí surgem as consequências disso.

BJNA - A gagueira tem cura?
Drª Luciana - Infelizmente, até o momento não. Mas, vemos casos de grandes avanços e melhoras por meio de tratamentos fonoaudiológicos que visa a dimunuição dos sintomas por meio de técnicas que ensina o paciente a lidar com o problema.

BJNA - Como se dá o tratamento da gagueira?
Drª Luciana - O processo de tratamento da gagueira se inicia com uma avaliação detalhada, que tem o objetivo de conhecer os antecedentes pessoais e familiares do paciente em relação à fala e à fluência. A partir disso, sessões de terapias são planejadas para levar o paciente a superar o problema através de técnicas que serão aplicadas.

Serviço:

Drª Luciana Grottone - Fonoaudiologa
Seu consultório está localizado na Avenida Conselheiro Nébias, 492
Bairro: Encruzilhada - Santos/SP
Telefone: (13) 3235-5020
E-mail: lugrottone@hotmail.com

Nicelle

51

51 comentários:

  1. Tem uma simpatia que é assim, vc quebra a tampinha do ovo, tira o ovo de dentro da casca e toma água dentro da casaca do ovo, não sei porque mas dá certo! A pessoa para de gaguejar!
    Não é sacanagem, essa simpatia vem da época da minha bisavó!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Entrevista mara, Nice.
    Mto bom esclarecer sobre esse assunto q mtas pessoas leva na brincadeira, mas ele é mto sério.

    Bom fds!

    Beijooooooooooos!
    :****

    ResponderExcluir
  3. Achei o post incrível! Eu já sofri disso e é realmente ruim!
    Bjs, Thá
    http://consumisse.blogspot.com
    @thaharaujo

    ResponderExcluir
  4. As vezes quando fico nervosa eu gaguejo. Ela vem e vai embora logo. Só comecei a ter isso depois q entrei na faculdade. É tenso! :P

    Seus posts são ótimos!!!!!!

    Bjs,
    Fefe.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Nicelle;
    A matéria foi bem
    esclarecedora.
    Um ótimo final de Semana!
    Mel

    ResponderExcluir
  6. Oi Nicelle! Amei seu blog! Estou seguindo, se puder siga o meu também! bejo:*

    http://feveryoung.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Ni!

    Isso realmente é um problema grave e que não tem graça.. é muito ruim!

    Amiga, não sei se vc já falou sobre isso por aqui, mas que tal falar um pouco sobre os males que o Fumo desencadeia? Li a matéria de uma amiga hj e fiquei chocada..

    Se quiser ler: http://www.beautyrock.com.br/2011/05/dia-mundial-sem-tabaco.html

    Bjk!

    Fe - www.fezoka.com.br

    ResponderExcluir
  8. é muito importante que hj em dia não tenhamos nem um tipo de preconceito não é
    amei sua postagem flor
    bezosssssssssss

    ResponderExcluir
  9. Interessante,
    é importante que
    não se tenha preconceito
    e pelo contrário
    apoiemos pessoas com dificuldade
    para incentiva-las a mudar.
    Muito boa a foto que inicia o post tbm.

    www.qbaguncinha.blogspot.com

    beeeeijos.

    ResponderExcluir
  10. Ótima entrevista com perguntas bem elaboradas e respostas esclarecedoras :)

    Abraços jornalista!!!!!

    ResponderExcluir
  11. Oie!
    Menina, quantas coisas eu não sabia!!! Nunca imaginei que gagueira pode ser por herança genética!
    Muito informativo e esclarecedor!
    Beijão querida!

    ResponderExcluir
  12. Oi Nicelle!!!

    O meu filho caçula tinha!!! Mas depois de um tempo e de todo mundo ao redor dele falar calmamente, ele se curou!!!

    Bjos linda!!!

    ResponderExcluir
  13. Nossa, que post maravilhoso e esclarecedor.
    Beijos e um otimo final de semana.

    ResponderExcluir
  14. Oi Ni!
    Muito bacana vc abordar um assunto como esse aki! É incrivel como tem gente que ainda acha graça nisso!!!
    Um ótimo final de semana!
    Bjs
    garimpus.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Muito legal abordar esse tema que muitos levam para o lado da brincadeira! Parabéns pela iniciativa!

    Agradecemos pela visita em nosso blog e com certeza estaremos sempre por aqui...Gostamos muito dos assuntos abordados!

    Beeijokas
    Mary e Beka
    http://coisasdemaryebeka.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Muito bacana a entrevista, parabéns flor! é muito importante abordar esse tipo de assunto!
    Beijos!
    http://hellodivas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oi q-u-e-r-e-d-a

    Que bom que vc apreciou o meu cantinho, gosto de fazer humor sem apelação,nem é necessário não é mesmo?
    E espero sem problemas qdo vc puder fazer a materia das noivas da comunidade,com seu toque especial hehehe agora sobre gagueira, tenho 2 parentes com esta doença é duro para quem a possiu e sua materia foi muito esclarecedora,apabens pelo conteudo,show
    bom findi nas graças do PAI MAIOR
    Fla

    ResponderExcluir
  18. Adoreii o post ficou bem legall um assunto que deve ctz ser abordadooo tem vez que enrrolo a língua.
    Bjinhusss ... Ótimo Fds
    Lucy Albieri

    @modaxmake
    www.modaxmake.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Nicelle,

    É muito ruim para quem tem afinal sempre vira motivo de piadas...

    Bjs!

    ResponderExcluir
  20. GOSTEI DO BLOG E DO POST...

    tem sorteio lá no blog, já se inscreveu para concorrer a em batom M.A.C????

    www.pimentaroja.blogspot.com

    bjosss

    Gi

    ResponderExcluir
  21. um segredo : eu fiz tratamento para gagueira quando criança, e deu certo mesmo !! Graças a Deus hoje não tenho mais esse problema.
    Adoreiii o post, bom para as pessoas se conscientizarem.
    Super beijo linda =)

    ResponderExcluir
  22. VejaBlog
    Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
    http://www.vejablog.com.br

    Parabéns pelo seu Blog!!!
    [BJNA - Blog da Jornalista Nicelle Almeida]

    Você está fazendo parte da maior e melhor
    seleção de Blogs/Sites do País!!!
    - Só Sites e Blogs Premiados -
    Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
    os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

    O seu link encontra-se no item: Blog

    http://www.vejablog.com.br/blog

    - Os links encontram-se rigorosamente
    em ordem alfabética -

    Pegue nosso selo em:
    http://www.vejablog.com.br/selo

    Um forte abraço,
    Dário Dutra

    http://www.vejablog.com.br
    ....................................................................

    ResponderExcluir
  23. achei o post maravilhoso...... ja vi muita gente sofrendo por isso..... é complicado mesmo

    beijos
    ju
    www.vernizdavez.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Oieee amore! Desculpe a demora em retribuir a visita...muitaaa gente, sabe como é?
    Esse post ficou muito esclarecedor e bem escrito, meus parabéns!!! Gagueira só me faz lembras do filme " Discurso de um rei", vc assistiu?
    Bju

    ResponderExcluir
  25. Bom dia Nicelle,
    Linda entrevista,adorei saber mais sobre o assunto aqui,BJNA tem um jeito especial.
    É um problema alvo de piada por algumas pessoas que não sabem respeitar.
    Ah ,quanto a cura,o Senhor Jesus tem a solução para tudo.
    Bjs abençoado final de semana,cheio da graça de Deus sobre ti e tua casa.

    ResponderExcluir
  26. Ah ... tem graça sim! Não pra quem tem né, claro. Mas vai dizer que não ri quando vê gente gaguejando...

    Beijos ...

    Elaine.
    http://useihoje.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. E um post muito esclarecedor flor adoreii!
    sauddaes de suas visitas!
    bjus
    otimuu fds!
    lyssa
    http://lyssmakeup.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    Passando por aqui no seu blog!
    Curti e já estou seguindo!
    Super bacana a abordagem desse assunto!

    beijo *.*
    www.dicasemaquiagens.com

    ResponderExcluir
  29. Amei o post Ni..
    Tenho um irmão adotivo que tem o problema, graças a Deus já esta cuidando e tenho horror de quem fica brincando com ele por causa da gagueira!

    Beijo ;D
    natyfigueiredo.com

    ResponderExcluir
  30. Oi Nicelle, parabéns pelo post. Você sempre abordando assuntos importantes. beijos

    ResponderExcluir
  31. Olha só como são as coisa na vida, eu quando criança era gago viu, a vida passou, adulto fiquei e me tornei profissional da area de comunicação, dentro do rádio como locutor. A prova que gagueira passa viu gente. Grande abraço.

    ResponderExcluir
  32. Oi, Nicelle! Tudo bem?
    Antes de comentar sobre o post, vou falar sobre sua foto nova! Ficou linda!! Você cortou o cabelo? :)
    Olha, gostei muito da entrevista. Particularmente, acrescentaria uma coisa que acontece comigo. Sou bem falante quando já conheço e tenho mais intimidade com as pessoas, porém quando,além de não ter proximidade com o outro e este outro me intimidar, por exemplo, eu travo! É engraçado, não consigo falar direito. Acho que isso se encaixa no que ela falou sobre sofrimentos internos.
    beijos!!

    ResponderExcluir
  33. Olá querida!
    Muito obrigada por visitar meu cantinho, fiquei super feliz em ter você por lá, volte mais vezes.
    Vim aqui ver seu blog e achei o maximo, posts bem interessantes, e com certeza nâo posso deixar de te seguir.

    Muitos beijinhos...

    annepinkdream.blogspot.com

    ResponderExcluir
  34. Oi Ni
    muito interessante
    acho que não conheço ninguem com gagueira rsrsrs

    Beiijos
    @Beellyf
    http://bellyfcherry.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  35. Adorei o seu blog!!
    É super fofo!!
    DA UMA PASSADINHA LA, TEM COISA NOVA!
    http://blogdatardee.blogspot.com/
    Ah, se der curte =D

    ResponderExcluir
  36. Ótimo post! ^^
    Beijos,
    Carol
    www.pequenajorn.blogspot.com

    ResponderExcluir
  37. gostei do post, é coisa séria, e tem gente que acha que é brincadeira né

    ResponderExcluir
  38. amiei o post so trás coisa interessante mara!
    Que bom que gostou da make, flor passando para te desejar um exelente domigo. Tem post novo no blog. Um super beijo
    Jana Pereira
    WWW.rosaepinkbyjana.com

    ResponderExcluir
  39. Entrevista ótima!
    Parabéns, vc eh uma grande jornalista.

    ResponderExcluir
  40. Entrevista ótima!
    Parabéns, vc eh uma grande jornalista.

    ResponderExcluir
  41. Excelente post, Ni. Realmente não tem graça nenhuma, e fico chocada com as novelas que colocam a gagueira nos seus personagens e tentam ser engraçados.
    Beeijo!

    http://gabisoaress.blogspot.com

    ResponderExcluir
  42. Nossa eu não sabia que uma pessoa já adulta pode ter gagueira. Muito completo o post, bem explicado...

    Beijos
    @tudodmenina
    http://tudodmenina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  43. Super bacana o post Nicelle!
    Tem crianças que sofrem muito preconceito por conta disso..
    Bjocas,
    Allyne Gondo
    http://mecanicademoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
  44. Post super informativo bem legal flor =)

    http://achadosdagrasi.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  45. Já sei que eu não tenho cura, rs. Pois é, sou gaguinha e odeio isso. Tenho muita vergonha das pessoas, sou muito descontraída e falo pra caramba, mas perto dos meus amigos, eu falo pouco e tento não gaguejar, é uma droga. Como não adianta, sou assim desde criança, acho que por trauma, porque ninguém na minha família é, eu comecei a dizer pras pessoas que sou gaga, comecei a assumir e a levar isso na brincadeira, rs.

    ResponderExcluir
  46. Tenho gagueira e a sua postagem me ajudou bastante.
    Obrigada!!

    ResponderExcluir
  47. Tenho gagueira e a sua postagem me ajudou bastante.
    Obrigada!!

    ResponderExcluir
  48. Eu odeio quem tira sarro das pessoas q gaguejam. Será q n entendem q só piora a situação?????

    Ótima entrevista, Nicinha.
    Vc arrasa!!!!!

    *_*

    ResponderExcluir
  49. Nicinha, vc viu q te add no Facebook? :)

    ResponderExcluir
  50. Amiga, vou indicar essa leitura para Bem. Um dia desses ela estava pesquisando sobre este assunto. Na profissão dela é muito importante aprofundar este assunto. Bjooos,saudades!

    ResponderExcluir